Thursday, May 6th, 2010

Qual melhor caixa de transporte para viajar de avião?

pan-am copy

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para qualquer viagem de avião, a primeira coisa que eu sugiro que seja feita é a compra da caixa de transporte. Já que o seu pet vai ficar muitas horas ali dentro, ele precisa estar tranquilo e confortável em um lugar que lhe seja familiar.

As caixas de transporte devem estar de acordo com as normas da IATA (Internacional Air Transport Association). Elas geralmente são de fibra de vidro, devem ter uma altura  suficiente para que o seu pet possa ficar em pé naturalmente, bem como a largura deve possibilitar que ele possa dar uma volta em torno do próprio eixo. Elas devem ter um local para que se coloque água, e durante a viagem o fundo deve estar forrado com tapete higiênico.

Você pode encontrar as melhores opções com os melhores preços aqui http://migre.me/CiIF

Existem duas possibilidades para a viagem do seu pet: na cabine de passageiros ou como “bagagem despachada”.

Para cabine: o peso do cachorro com a caixa de transporte, não pode ultrapassar 9 kg e durante vôo ele não pode ser retirado da caixa de transporte.

Para a viagem como bagagem despachada: o peso do seu peludo somado ao da caixa de transporte não pode ultrapassar 45 kg. Quando esse peso é excedido, o transporte deve ser feito por um avião de cargo.

Para os animais que viajam como bagagem despachada, existem normas restritivas em relação à temperatura, de maneira que eles não sejam expostos a calor ou frio extremos. 

Os cães não são aceitos quando a temperatura atual ou prevista estiver acima de 29,5º C ou abaixo de 7º C em qualquer ponto do itinerário.

A restrição para temperaturas baixas pode ser suspensa desde que seja apresentada uma declaração de baixa temperatura emitida por um médico veterinário.

Um outro ponto importante é que não devemos sedar o nosso cão, pois a sua capacidade de manter o equilíbrio fica prejudicada se o nosso pet for sedado. Imagine se durante o vôo ocorre um período de turbulência e ele estiver sedado. Ele não terá condições de se equilibrar e se proteger dentro da caixa de transporte.

Devem ser fornecidas instruções para alimentação e água para um período de 24 horas, sendo que instruções para não alimentar ou não dar água ao pet não serão aceitas a menos que sejam determinadas pelo veterinário responsável.

Uma boa opção é contratar alguma empresa especializada que organiza todo o processo para você. Pelo que eu pesquisei ainda é um mercado novo, mas que se pode contar com empresas que já possuem boa experiência.

 

Boa viagem!!!

Category: Cães
You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. Responses are currently closed, but you can trackback from your own site.

Comments are closed.